Faz parte do nosso trabalho II

Custos de fertilizantes em alta ameaçam lucros de agricultores

Por Redação em 09/07/2021 às 11:15:58

Os preços de nutrientes agrícolas, como fosfato e potássio, estão em alta desde o final do ano passado diante da oferta apertada, forte demanda e incertezas geopolíticas



Agricultores podem ter que se acostumar com os altos preços dos fertilizantes, pois os estoques globais permanecem estáveis apesar do forte rali, de acordo com um dos maiores fornecedores mundiais do insumo.

Os preços de nutrientes agrícolas, como fosfato e potássio, estão em alta desde o final do ano passado diante da oferta apertada, forte demanda e incertezas geopolíticas nos maiores países produtores.

A extensão dessa recuperação superou as expectativas, disse a vice-presidente sênior da Mosaic, Corrine Ricard. É provável que os preços se mantenham em níveis elevados por mais tempo do que se pensava anteriormente, "porque não vemos aumento dos estoques em lugar nenhum", disse em entrevista. Mesmo no Brasil, onde os altos preços dos produtos agrícolas e a desvalorização cambial impulsionaram os lucros para patamares recordes, as maiores despesas com fertilizantes podem corroer as receitas na próxima temporada.

"Os agricultores começarão a ver sua capacidade de troca de fertilizante por commodities mudar", disse Ricard, que comanda a Mosaic Fertilizantes, com operações no Brasil e no Paraguai. "Essa relação ainda será bastante favorável para os agricultores, embora abaixo de 2020."

O Brasil responde por um terço das vendas da Mosaic. A empresa espera que a demanda do setor agrícola no Brasil totalize 43 milhões de toneladas este ano em relação aos 40,5 milhões em 2020. Produtores de soja e milho já garantiram cerca de 85% de suas necessidades de nutrientes.

"O Brasil é o motor de crescimento da empresa", disse a executiva. "O ritmo da demanda no Brasil tem sido maior do que o esperado; tem sido fenomenal."


Fonte: Bloomberg

Comunicar erro
AL- Fake News - Vacinas

Comentários