Coronavirus 728x90

China suspende exportação de mais 1 frigorífico brasileiro; voltam a ser 6 unidades embargadas

Por Redação em 29/07/2020 às 13:36:43


Desde o início da pandemia, 7 frigoríficos foram suspensos, mas uma unidade de carne bovina em Mato Grosso teve a autorização restabelecida. Chineses estão preocupados com a presença do coronavírus entre funcionários. Foto tirada antes da pandemia – funcionários em um frigorífico de carne de frango

Reprodução/JN

A Administração Geral das Alfândegas da China (GACC, em inglês) suspendeu a habilitação para exportações de carne de frango de uma unidade da BRF de Dourados (MS), em meio a preocupações sobre a Covid-19, informou a companhia em nota à agência Reuters nesta quarta-feira (28).

Com isso, voltam a ser 6 unidades com exportações suspensas para o país asiático. Desde o início da pandemia, 7 frigoríficos foram embargados, mas uma unidade de carne bovina em Mato Grosso teve a autorização restabelecida.

MPT pede paralisação de 11 frigoríficos após casos de Covid entre funcionários

A BRF, dona das marcas Sadia e Perdigão, disse que não foi notificada oficialmente sobre a suspensão, mas que soube da mesma através de uma publicação no site da agência chinesa.

Os chineses não explicam oficialmente o motivo da suspensão de frigoríficos, mas o ministério afirma que existe uma preocupação do país em relação ao coronavírus e as notícias de casos da doença entre funcionários do setor deixaram a China apreensiva.

A BRF disse que já está atuando junto às autoridades brasileiras e chinesas para reversão da suspensão no menor prazo possível.

6 unidades embargadas

O governo brasileiro não informa quais unidades foram suspensas. Com a decisão desta segunda-feira, são 6 frigoríficos embargados. São eles:

JBS, de Passo Fundo (RS) – carne de frango;

Minuano, de Lajeado (RS) – carne de frango;

BRF, de Dourados (MS) – carne de frango;

BRF, de Lajeado (RS) – carne suína;

JBS, de Três Passos (RS) – carne suína;

Marfrig, de Várzea Grande (MT) – carne bovina.

Frigoríficos continuam enfrentando surtos de Covid no Brasil e preocupam a China

Fonte: G1

InfoJud 728x90

Comentários