Coronavirus 728x90

Goiabeiras estão carregadas no sudoeste de SP

Por Redação em 22/03/2020 às 08:42:25


Produção deve ser maior do que a do ano passado. Goiabeiras estão carregadas no sudoeste de SP

Reprodução/TV TEM

Do alto dá para ver centenas de pontinhos brancos. As plantas até lembram a produção de nêspera, outro tipo de cultivo comum na região. Mas o que se vê à distância são embalagens colocadas uma a uma para proteger as goiabas.

Alcides Camargo de Oliveira tem 120 pés de goiaba vermelha cascuda em São Miguel Arcanjo. No ano passado foram colhidas 18 mil unidades. Este ano, a produção deve chegar a 25 mil. Esse aumento tem a ver com clima. A chuva ajudou bastante no desenvolvimento da fruta.

Depois de embaladas, as goiabas vão direto para o entreposto em São Paulo. Cada uma chega a pesar de 250 gramas a 300 gramas. O quilo é vendido entre R$ 2,50 e R$ 3,00.

(Vídeo: veja a reportagem exibida no programa em 22/03/2020)

Goiabeiras estão carregadas no sudoeste de SP

O Estado de São Paulo é um dos maiores produtores de goiaba do país. Todos os anos são colhidas em média 50 mil toneladas.

No sítio de Deraldina Cardosa Camargo, são 200 pés. As plantas mais antigas têm 5 anos. A produção por safra chega a 80 mil frutas e tudo é vendido para supermercados e escolas da região. A produtora conta que adota um manejo simples. Ela explica que aduba com esterco, controla pragas e faz a poda adequada.

O que dá mais trabalho é ensacar todas as goiabas. Elas são protegidas quando têm cerca de 7 meses para evitar que sejam alvo principalmente de insetos.

A família de Leandro Serigioli Molina é do Paraná e o custo alto da produção dos cereais fez com que se mudasse para a região de Itapetininga.

Na plantação de goiaba, a escolha foi por um manejo diferente. As frutas do tipo tailandesa não são ensacadas. Ele explica que, devido à pouca quantidade de pomares de goiaba na região, a incidência de doenças é menor e, assim, está conseguindo trabalhar sem o ensacamento.

O produtor acredita que vai ter 40% de aumento na produção e chegar a 50 toneladas. São 500 pés de goiaba, que produzem de 80 a 100 quilos por planta. O preço médio é de R$ 2,50 por quilo. ´

Só este ano mais 500 mudas de goiabeiras foram plantadas na propriedade, totalizando 1200 árvores. A expectativa é aumentar a área até o fim do ano e chegar a 2 mil pés de goiaba.

Acesse + TV TEM | Programação | Vídeos | Redes sociais

Confira as últimas notícias do Nosso Campo

Fonte: G1

InfoJud 728x90

Comentários